AS ESTATINAS TÊM EFEITO CONTRA O CÂNCER DE MAMA?

aaa1211111-400x31511

Sim, parece que sim, de acordo com estudo Sueco recém apresentado. Os autores cruzaram os dados do banco de dados nacional de mulheres com mais de 20.000 casos de câncer de mama diagnosticados entre 2005 e 2008, e apresentaram os resultados no San Antonio Breast Cancer Symposium (SABCS) 2017.

Na verdade, o estudo demonstrou 2 efeitos benéficos diferentes das estatinas nas mulheres

  • As mulheres que usam estatina morrem menos (isso já era esperado, afinal esta é a principal finalidade do uso de estatina, evitar mortes por infartos).
  • As mulheres que usam estatina morrem menos de câncer de mama (esse resultado pode ser considerado surpreendente, pois ainda não se conhece uma ação específica deste medicamento no câncer).

Os resultados indicaram que mulheres que vinham em uso de estatina antes do diagnóstico de câncer morreram 23% menos devido ao câncer de mama.  Além disso, mulheres que começaram a usar estatina após o diagnóstico de câncer também morreram menos, em média 17% menos. A redução de mortalidade foi observada com mais de uma dose de estatina e mais de um tipo de estatina.

Existem várias explicações plausíveis para que as estatinas, desenvolvidas originalmente para redução de colesterol, tenham também efeito benéfico no câncer de mama. Os autores sugerem que é chegada a hora de realizar um estudo específico, onde mulheres com câncer de mama seja sorteadas para receber ou não este remédio, a fim de definir se ele deve também ser prescrito para esta doença.

Enquanto este tipo específico de estudo não é feito, pelo menos sabemos que é seguro manter ou iniciar tratamento com estatina em portadoras de câncer mamário.

Fonte:

https://www.medscape.com/viewarticle/889813#vp_2


Comentários

Deixe um Comentário